quinta-feira, 6 de maio de 2010

De volta as pratileiras: Creatina ! Mas cade ela ?

                   Parece que desta vez a ANVISA acabou abrindo as pernas (ou bolso, mas  isso agente nunca vai saber) pois ela, a tao popular e usada nos anos 90 aqui no Brasuca a Creatina esta de volta...
                  Antes de comecar a escrever ja adianto que estou em um PC que nao consigo colocar acentos nas palavras e assim vai ficar um pouco "esquisita" a grafia...
                   Foi divulgado este mes de MAIO, apesar de ja ter sido publicado em meses anteriores que a Creatina foi 'legalizada" (que termo pesado em se falando de suplementos nao ?). Isso apos "n" pareceres de medicos, exemplos de metodos e estudos no exterior, clamor de atletas e preparadores, etc, etc...  Ou seja novamente os praticantes de atividades esportivas de alto desempenho tem de volta, esse suplemento, pra ser usado e comprado de forma legal no mercado nacional, sem parecer que esta usando algum tipo de droga pesada que se tras de fora do pais, ja que em mundo globalizado nao existem mais mercados pra apenas consumidores loocais e pelo fato de  termos uma legislacao que caminha em passos deNanderthal... Digo isso porque entra a Creatina, e proibe-se paralelamente o BCAA, isso mesmo o BCAA que inclusive, ja postei sobre ele aqui, vai sair e virar "crime", sem contar que vitaminas e mineirais como Zinco, Cromo, polivitaminicos como Ultra Mega Man/Woman  e vitaminas C de 1000mg assim como 400 UI de Vitamina E da Sundown e outras marcas acabam de entrar pro "rol" de produtos que te levam pra cadeeeeeeia ! Ou seja, pegou na loja, aeroporto ou na bolsa, ou voce paga de novo pelo produto (se e que voces me intendem) ou ta em cana filhao ! Assim fica dificil ne, suplementar e ter uma qualidade de vida melhor, mesmo se voce trabalha e tem condicoes financeiras pra isso, pois em terra de subnutridos quem tem vitamina em casa agora e rei ? Ou bandido ? Vai saber...
                  Esclarecendo um pouco mais sobre a Creatina, esquecida por muitos, mas anciosamente aguardada por outros muitos mais, trouxe la no Blog Performace com Saude do Dr. Paulo Muzy alguns esclarecimentos que o mesmo apresentou. Antes que todo mundo comece mesmo a perguntar aqui vamos...


1. creatina nao é um esteróide anabolizante;
2. creatina é um transportador de ATP (nossa molécula de energia primordial) para o sítio onde se dará a transferencia dessa energia para a geração da contração muscular;
3. nao se conhece dose tóxica dessa substancia, e alem disso, o que se tem na literatura e muito bem estabelecido é que nao se conhece efeitos deleterios com o uso de 5g ao dia; nao foram observados alteracoes metabolicas deleterias com o uso de 20g ao dia num período de 8 semanas; 30% das pessoas que usam creatina nao apresentam ganho de performance; o unico efeito colateral é ganho de peso e que diariamente perdemos aproximadamente 2g dessa substancia e tentamos reestabelecer nosso pool dela a partir dos alimentos (principalmente carne vermelha - por isso vegetarianos se beneficiam tanto com ela...);
4. o abuso nao traz incremento na capacidade física, portanto sua dosagem deve ser adequada por um profissional da área;
5. os profissionais que tem contato com desempenho esportivo ou com desenvolvimento muscular como educadores físicos, nutricionistas e fisioterapeutas tem conhecimento suficiente para indicar o uso e deveriam ter autonomia para tal, já que o uso desta esta adequado ao tipo de adaptacao muscular que se está buscando;
6. todo esportista que tem algum tipo de preparo físico em sala de pesos (teoricamente todos), se beneficiaria com o uso de creatina, e uma musculatura melhor preparada tambem significa, alem de um melhor desempenho, um menor risco de lesão, bem como nos traumas, intensidades de lesão menores devido a um fisico mais vigoroso; logo, ao contrário do que certos profissionais proclamam, corredores de distancia, jogadores de futebol ou qualquer outro esporte que envolva músculos (o que excluiria xadrez se nao houvesse uma baita contracao isométrica da musculatura cervical para manter a cabeça por tanto tempo sustentada) tem benefícios com o uso de creatina;
7. o uso nao é determinado pelo título, é determinado pela demanda. ou seja, voce nao precisa ser um atleta para usar este ergogenico, mas precisa estar fazendo alguma atividade física com orientaçao;
8. o que trata da demanda esportiva é o quanto determinada atividade é intensa para o praticante, logo, a avaliaçao do esportista, como a de um paciente, deve ser feita individualmente, de forma personalizada, assim, o ideal é que cada paciente tenha seu treinador pessoal para orientar seu treinamento e executá-lo da melhor forma possivel, portanto, desde um jogador de futebol treinando pesos para fortalecer sua musculatura até um idoso que precisa fazer musculaçao porque está com a musculatura fraca e osteoporótico se beneficiam do uso de creatina.

bom, com certeza, pensando mais tarde vou lembrar de mais alguma coisa, e se lembrarem, por favor, mandem seus comentários, porque é a partir deles que escrevo a maioria das coisas que estao aqui.

de resto, cuidado com os "falsos profetas"... tem muita gente querendo se aparecer fazendo polemica a partir da ingenuidade das pessoas. pesquisem, estudem e perguntem para seus orientadores de confiança e lembre-se: vai ter gente que usa sempre, vai ter gente que usa nunca e o que posso dizer para voces é que certos sao os que estao usando QUANDO precisam...

tempo, momento é tudo que importa pessoal...

um abraçao com muita performance e muita saúde!

Muzy

Bom sem palavras pra agradecer ao Dr. Paulo Muzy por ter me autorizado a publicar aqui seus esclarecimentos. Agora a pergunta que remete ao titulo. Ok ela voltou, pode vender, pode comprar, mas pera ae, vou em lojas de suplementos quase todos os dias , as vezes pra buscar algo pra alum aluno que me pede, as vezes bater um papo com os amigos lojistas ou mesmo pegar algo pra eu mesmo ou minha namorada, mas cade a tal Creatina ? Xiiii, tem muita grana, ops, agua pra rolar nessa historia ainda....

 E vamos visitar o blog no Dr. Paulo Muzy. Profissionalismo , exigência e Competência ímpar dentro do meio da medicina esportiva.


.www.superperformance.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário